sábado, 5 de dezembro de 2009

roteiro para formatura da Ed. Infantil

FORMATURA DA ED. INFANTIL – TURMAS DO ANO 2009



ENTRADA – APRESENTADOR
Sejam todos bem - vindos
Com alegria nos reunimos para celebrar a formatura dos alunos do nível III , da Educação Infantil da Escola Municipal Nosso Sonho .

ABERTURA – APRESENTADOR
Que a semente plantada no coração de cada criança cresça , floresça e dê bons frutos .
Que estes pequeninos, representantes do nosso futuro , se contagie pela sabedoria plena e um imenso amor a Natureza, podendo fazer da nossa “mãe terra” o lugar no qual se abriga todos os seres garantido suas estirpes sem distinção .


MESA DE HONRA – APRESENTADOR
Vamos neste momento convidar os participantes que vão compor a mesa .

O paraninfo das turmas ......
--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------





ENTRADA DOS ALUNOS
APRESENTADOR ( fundo musical )

Agora vamos receber as estrelas de nossa festa , os formandos 2009 juntamente com suas professoras :Daniele Cristiane Daun , Neuza Maria de Andrade Lino e Roberta Rivelli.

HINO NACIONAL -
Introdução :
APRESENTADOR ( fundo musical )

A criança é fonte de amor !
Amor a nossao País !
Amor a nossa terra !
Para que esse amor seja cultivado é necessário que saibamos semear no coração de nossas crianças esta semente tão especial que é o amor a nossa mãe Natureza !
Para demonstrar este grande amor a nossa Pátria convidamos todos a ficar de pé para a execução do Hino Nacional Brasileiro .

APRESENTAÇÕES –
APRESENTADOR – ( enquanto os alunos se preparam para o teatro ) fundo musical -

A Natureza criou um tapete sem fim que recobre toda a superfície da terra .Dentro deste tapete vivem todos os animais respeitosamente !Nenhum estraga , nenhum o rói .Só o Homem destrói!
Cada dia a natureza produz o suficiente para nossa carência .Se cada um tomasse o que lhe fosse necessário , não haveria pobreza no mundo e ninguém morreria de fome .

MÚSICA Arco Íris ( xuxa ) (ouvir para dar mais um tempo as professoras )

1ª APRESENTAÇÃO:Teatro AS TRÊS BORBOLETAS ( objetivo trabalhar o preconceito )
.
2ª APRESENTAÇÃO:Teatro com os alunos da professora Neuza Maria
Chapeuzinho Vermelho .

3ª APRESENTAÇÃO: MUSICA Criança Feliz (Todos juntos)






APRESENTADOR – (enquanto colocam as becas)

Nesta escola !
Aprendi a olhar a vida com mais cuidado .
Dar a natureza o seu valor merecido .
Agradeço simplesmente por ter me despertado .
Aprendi como é belo , um fio de luz no alvorecer!
O despertar da natureza , suavemente fazendo tudo crescer !
O artista “Deus “ criou e nos mandou para cuidar !
Somos responsáveis para a Mãe Natureza preservar !

JURAMENTO

Todos de pé para fazer o juramento .
Todos juntos com mão direita estendida .
Eu prometo ................


ENTREGA DOS CERTIFICADOS

ENTRADA DOS ALUNOS: (entrará um de cada vez receberá o diploma do paraninfo e sentará em seu lugar )

LISTA DOS ALUNOS
_________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________


( enquanto arrumam os slds)
- APRESENTADOR
PROFESSORAS:
Em meio a infinidade de estrelas , você se equipara ao sol.Pois o sol apesar de as estrelas aparecerem a noite e dar todo especial a natureza , não tem a capacidade de iluminar o caminho de ninguém !mas, deixam o céu ainda mais bonito .
Já o sol não !Ele além de ser maior , dá vida a todos os seres e como é divino o seu aconchego !

APRESENTADOR:
A VOCÊS PAIS
Mais um ano de caminhada conosco!
Mesmo diante das dificuldades, com sabedoria, esperança, fé e união, fomos capazes de superar todas as deficiências.
Tivemos a honra de ter vocês conosco, acreditando no nosso trabalho .Unidos nos tornamos mais fortes para conquistar e realizar nossas metas .Por isso desejamos que o ano vindouro possa trazer saúde , desenvolvimento e a realização de novos planos e projetos .


APRESENTADOR :
AGORA VAMOS ASSISTIR OS MELHORES MOMENTOS COM NOSSOS FORMANDOS NO ANO 2009.

(passarão a filmagem para os presentes )


PALAVRA LIVRE
CONVIDAMOS PARA FAZER USO DA PALAVRA :
_________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________

ENCERRAMENTO .
APRESENTADOR:
Quando amamos e acreditamos do fundo do coração em algo , nos sentimos mais fortes que o mundo! Somos tomados de uma serenidade que vem da certeza de que nada poderá vencer a nossa fé .Esta força estranha faz com que sempre tomamos a decisão certa , na hora exata .Quando atingimos nossos objetivos, ficamos surpresos com a nossa própria capacidade.É assim que nós a equipe da E.M. Nosso Sonho buscamos sempre oferecer o melhor.Unidos pela fé constante em lutar por um mundo melhor.
MUITO OBRIGADO A TODOS !

quarta-feira, 25 de novembro de 2009

FORMATURA DA EDUCAÇÃO INFANTIL COM O TEMA "NATUREZA"

EM BREVE , APÓS 4/12

CANCÊR

C Â N C E R
Nome dado a todas as formas de tumor maligno. A palavra vem do latim cancer,
que significa caranguejo. Esse nome se deve à semelhança entre as pernas do
crustáceo e os tentáculos do tumor, que se infiltram nos tecidos sadios do corpo.
Os tumores se desenvolvem quando certas células de um organismo se
multiplicam de maneira descontrolada em virtude de uma anormalidade nos genes.
Forma-se, então, um núcleo celular sólido e uma rede de vasos sanguíneos para
sustentá-lo. Através da corrente sanguínea ou linfática, as células malignas atingem
outros órgãos e originam novos tumores, processo conhecido como metástase. Em
geral, o câncer é uma doença de longa evolução. Até atingir o tamanho aproximado de
uma azeitona, que é quando costuma ser diagnosticado, um tumor pode levar alguns
anos para ser descoberto. Existem mais de cem tipos de câncer. Cerca de 90% deles
são curáveis se diagnosticados precocemente e tratados de maneira correta.
Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), em 1997 morreram de
câncer 6,24 milhões de pessoas em todo o mundo, o equivalente a 12% do total
mundial de mortes. Alcança 9,3 milhões o número de novos casos anualmente,
elevando para 57,5 milhões o total de doentes. Até 2020, pelo menos 15 milhões de
pessoas devem desenvolver a doença. O tipo de câncer mais comum é o de pulmão,
que provoca 1 milhão de mortes, seguido dos de estômago, intestino, fígado, mama,
esôfago, boca e colo do útero. No Brasil, os tumores mais letais são os do estômago, e
o câncer, de maneira geral, é a terceira causa de morte, depois de doenças
circulatórias e de fatores externos (acidente, homicídio etc.).
Causas – As causas do câncer não são conhecidas, mas alguns fatores
potencializam o risco de sua manifestação. O fumo aumenta a chance de câncer no
pulmão. A exposição demasiada ao sol intensifica o risco de câncer de pele. O excesso
de bebida alcoólica favorece o câncer de boca. Distúrbios hormonais podem provocar
câncer de mama. Certas infecções possibilitam o surgimento de câncer no fígado e no
estômago. Radiações aumentam os riscos de leucemia. O estresse, a alimentação
pobre em fibras e o consumo excessivo de gordura, conservantes químicos e
substâncias oxidantes também estão relacionados a alguns tipos de câncer. Já está
provado que a propensão a determinadas formas da doença é característica hereditária
e que os riscos crescem com a idade.
Tratamento – A cirurgia e a radioterapia são formas locais de combate à doença.
A cirurgia é usada para a retirada dos tumores. Já a radioterapia mata a célula maligna
pelo efeito da irradiação, mas pode atingir outros tecidos, provocando inflamações. A
quimioterapia, tratamento à base de drogas, impede a reprodução celular e leva as
células malignas à morte. Atua também sobre as células normais, causando efeitos
colaterais temporários, como queda de cabelo, vômito e diarréia. A hormonoterapia é
usada para combater os tumores mais sensíveis à ação dos hormônios, como os de
mama e os de próstata. A utilização de tratamentos que associam a cirurgia à
radioterapia ou à quimioterapia tem mostrado resultados satisfatórios, como nos
tumores ósseos mais comuns e nos casos de câncer de mama.
As pesquisas baseadas na terapia gênica buscam a fabricação de cópias de
genes normais e sua implantação nas células em que foram detectados os problemas.
A ciência investe também na produção de drogas que interrompam a fase na qual o
tumor produz seus próprios vasos sanguíneos para crescer. Em 1995 foram registrados
1
progressos nas pesquisas com interferon, uma proteína natural capaz de matar células
cancerosas, e com interleucina, grupo de moléculas produzido em pequenas
quantidades pelas células e considerado eficaz para desencadear a ação do sistema
imunológico. A terapia fotodinâmica, que usa um aparelho emissor de luz pulsante
associado a um creme fotossensibilizante, começa a ser empregada no tratamento de
alguns tipos de câncer de pele.
A confirmação da relação entre certos tipos de câncer e infecções tem levado os
pesquisadores a trabalhar no desenvolvimento de vacinas contra a doença. Uma
vacina já utilizada na prevenção do câncer de fígado é a que protege contra a hepatite
do tipo B. Calcula-se que surjam cerca de 540 mil novos casos de câncer de fígado por
ano no mundo, dos quais 83% estão relacionados com a hepatite B.
Grupos de cientistas também estão tentando desenvolver uma vacina contra o
papiloma humano para reduzir os casos de câncer cervical. Foi comprovado que a
infecção do colo do útero por esse vírus, sexualmente transmissível, aumenta o risco
de surgimento de tumores. Ele é responsável por 436 mil casos anuais de câncer
cervical e por 31 mil de câncer vaginal em todo o mundo.
Outra vacina em fase de pesquisa é a que combate a Helicobacter pylori. Cerca
de 550 mil casos de câncer de estômago ocorrem em conseqüência das infecções
provocadas por essa bactéria. Graças ao avanço nos estudos da biologia molecular
está sendo estudada ainda a criação de vacinas contra tumores não relacionados a
infecções.
No final de 1998, o especialista americano Judah Folkman realiza, talvez, a mais
séria tentativa, deste século, de dar fim ao câncer. Em experiências com ratos,
Folkman consegue destruir totalmente os tumores simplesmente os matando de fome.
Para isso injeta nos animais substâncias que cortam o suprimento de sangue para os
tecidos doentes. O tratamento não tem contra-indicações significativas até onde se
sabe e, com certeza, nenhum dos efeitos devastadores da quimioterapia e da
radioterapia. Serve para qualquer tipo de tumor. A primeira tentativa de repetir os
resultados de Folkman, feita dois meses depois no Instituto de Tecnologia de
Massachusetts, falhou. Mas outros testes estão sendo preparados.
CÂNCER NO MUNDO – Dos 52,2 milhões de óbitos que ocorreram no mundo
em 1997, 6,2 milhões, ou 11,8%, foram causados por câncer. Em 1998, os tumores
malignos mataram 7,2 milhões de pessoas, ou 13,4% do total de 53,9 milhões de
mortes registradas. Segundo estimativas da Organização Mundial de Saúde (OMS), a
doença continuará a ser uma das principais causas de morte nos próximos 20 anos,
sobretudo nos países em desenvolvimento, onde sua incidência aumenta em
conseqüência da elevação da expectativa de vida da população. O câncer de pulmão é
o tipo que mais cresce por causa do consumo de cigarro. Sozinho, ele foi responsável
por 1,2 milhão de mortes em 1998.
O de estômago é o segundo tipo que mais mata, atingindo principalmente os
homens acima de 40 anos. O consumo regular de carne defumada, e de produtos
industrializados, que levam muito sal e conservantes químicos, é o principal fator de
risco da doença – o que explica sua alta incidência no Japão, no Chile e na Islândia.
Nos demais países, ele está em declínio, provavelmente por causa da redução do
consumo de alimentos de risco e do aumento da ingestão de vitamina C. Além do
câncer de estômago, a OMS estima que no próximo século os tumores de boca e
laringe, de mama e de colo do útero devem ter a incidência reduzida pelos recursos de
prevenção e controle disponíveis atualmente. Em contrapartida, os tumores de pulmão,
intestino, próstata e dos gânglios linfáticos, os chamados linfomas, devem ter a
2
prevalência aumentada, especialmente nas nações em desenvolvimento, em
conseqüência da adoção de hábitos inadequados à saúde, como vida sedentária, o
abuso de bebidas alcoólicas e de dietas pobres em fibras e ricas em gorduras.
Pesquisa genética – O câncer se manifesta em mais de 100 formas e 60% dos
tipos de tumor são curáveis quando tratados desde o início. A doença tem duas
características fundamentais: habilidade em reproduzir-se a despeito das defesas do
próprio organismo e capacidade de invadir e colonizar áreas reservadas a outras
células. Ao começar a crescer desordenadamente, as células produzem um tumor ou
neoplasma que pode localizar-se em determinado órgão ou invadem outros tecidos,
como o sistema linfático, e entram na corrente sanguínea, formando tumores
secundários em outros órgãos ou metástases. A origem da mutação celular é atribuída
a três tipos de agentes cancerígenos: genes que provocam alterações na seqüência do
DNA (ácido desoxirribonucléico); radiações que podem quebrar certos cromossomos,
provocando seu deslocamento; e alguns tipos de vírus que introduzem nas células
DNAs estranhos a elas. As células normais possuem genes que previnem o risco de o
DNA alienígena passar suas instruções adiante.
Essa propriedade dos genes, de suprimir instruções erradas ou estranhas às
células, vem motivando os pesquisadores a desenvolver drogas que funcionem como
genes supressores. As ferramentas pesquisadas atualmente para bloquear esse
processo envolvem anticorpos monoclonais e fatores bloqueadores ou supressores de
tumor. Entre esses últimos, os mais conhecidos são os fatores antiangiogênicos (que
levam esse nome porque impedem a gênese ou a multiplicação celular dos vasos
sanguíneos). Eles foram usados em 1998 pelo pesquisador americano Judah Folkman,
do Hospital Infantil de Boston, no tratamento de tumores em ratos de laboratório. As
drogas interromperam o processo de multiplicação dos vasos sanguíneos responsáveis
pela alimentação do tumor e, indiretamente, acabaram com o câncer nos ratos. No ano
passado, elas passaram a ser testadas em humanos no hospital inglês Mount Vernon.
Drogas baseadas em anticorpos monoclonais chegaram ao mercado em 1999. Uma
delas reconhece e combate a proteína HER/2 – que prolifera na superfície das células
e está presente em 30% dos casos de câncer de mama – e consegue interromper o
crescimento do tumor.




ESTE MAL PREDOMINOU OS ÓBITOS DE MINHA FAMILIA .
NÓS COSTUMAMOS PENSAR QUE AS COISAS SÓ ACONTECEM COM OS OUTROS !

DIA DA BANDEIRA NACIONAL

BANDEIRA NACIONAL
A Nossa Bandeira
Júlia Lopes de Almeida
Verde, da cor dos mares e das florestas que embelezam a nossa terra desde
a serra de Roraima até à barra do Chuí; azul, como o céu infinito em que abre
os braços lúcidos o Cruzeiro do Sul; dourada, como o sol que alegra o
espaço e fecunda os campos, a nossa bandeira retrata nas suas cores as
supremas maravilhas do universo.
Filhos do sul ou filhos do norte, qual de nós não estremecerá de orgulho à
sua glória? Qual de nós não vibrará de entusiasmo ao senti-la aclamada
pelos outros povos? Qual de nós não se comoverá vendo-a desfraldada em
país estranho, ou não sentirá capaz das maiores audácias para a defender
de uma afronta e livrá-la de uma derrota?
A nossa bandeira é como um pálio confraternizador sobre a cabeça de todos
os brasileiros. Unamo-nos para honrá-la na sua grandeza e para que ela seja
sempre para nós, além do símbolo da Pátria, o símbolo do Bem, da Razão,
da Justiça. Só é inatingível o que é impecável, só é forte o que é puro. São as
virtudes do povo que tornam a sua bandeira respeitada; são os seus
trabalhos, os seus empreendimentos, o poder de sua inteligência, a inteireza
de seu caráter e a magnanimidade do seu coração que lhe dão prestígio
diante de todo o mundo.
Assim, esforcerno-nos para que à sombra de nossa bandeira só nasçam e se
desenrolem belas ações. Que ela pacifique gentes inimigas, quer tremule nos
mastros sobre as águas inquietas, quer penda nas cidades sobre os telhados
abrigadores do homem; que ela, que tem na cor a sugestão da esperança,
sorria ao estrangeiro em doce acolhimento, acenando-nos a todos para um
futuro bonançoso e amplo.
Irmãos do norte! Irmãos do sul, amigos! Unamo-nos em torno da nossa
bandeira; que os elos que nos ligam néio se dessoldem nunca, para que seja
grande a sua glória o poderosa a sua Força!
As primeiras bandeiras da história do homem costumavam representar
um grupo sócio-cultural através da imagem de um animal, de um
vegetal ou objeto. Com o tempo é que as cores passaram a ter
também um significado importante, principalmente após a Revolução
Francesa, quando passaram a exprimir a nacionalidade, independente
de existirem ou não figuras ou emblemas na estampa.
1
Antigamente, a escolha das cores se dava de forma arbitrária. Hoje em
dia, estão relacionadas a fatores religiosos e políticos. A cor vermelha,
por exemplo, é geralmente associada a movimentos revolucionários.
No caso da bandeira brasileira, o verde traria à lembrança o primeiro
objeto que funcionou como bandeira: os ramos arrancados das árvores
pelos homens primitivos em atitude espontânea de alegria. O verde
nos remeteria ainda à nossa filiação com a França, à juvenilidade do
país e ao imenso mar, literariamente verde nos escritos de José de
Alencar.
O amarelo, por sua vez, representaria nossa riqueza mineral e a
aventura dos bandeirantes à procura do ouro. De maneira poética, nos
levaria à imagem do sol, astro que nos garante condições essenciais
de sobrevivência.
Numa homenagem à Nossa Senhora, padroeira de Portugal e do
Brasil, o azul, ao lado da cor branca, nos colocaria no esquema
bandeirológico latino-americano, onde predominam essas duas cores:
azul e branca.
E finalmente o branco. Traduzindo nossos desejos de paz, nos inclui
nas filosofias que enxergam Deus como plenitude do ser e do poder,
assim como o branco é a plenitude das cores.
Fonte: COIMBRA, Olavo Raimundo. A Bandeira do Brasil: raízes
histórico-culturais. Rio de Janeiro: Fundação IBGE, 1972.
Sabemos que para cada estrela de nossa bandeira corresponde um
estado brasileiro. Com a criação de novos estados no país, se
estabeleceu uma dúvida: continuaria a correspondência? Conforme a
Lei número 5.700, de 1º de setembro de 1971, essa correlação não
existiria mais. Uma outra lei, no entanto, número 8.421, de 11 de maio
de 1992, retificou a anterior, através da seguinte comunicação: a
bandeira nacional deve ser atualizada sempre que algum estado da
federação for criado ou extinto; os novos estados serão representados
por novas estrelas, a serem incluídas, sem que afete a disposição
estética original do desenho da primeira bandeira republicana; as que
forem correspondentes a estados extintos serão retiradas,
permanecendo aquela que represente um novo estado mediante a
fusão.
Nessa lei de 1992 consta ainda um anexo, trazendo uma lista dos
estados e sua respectiva relação com as estrelas. A informação,
portanto, de que essa correspondência estelar não existiria mais, deve
ter se tratado de um erro de interpretação da lei de 1971.
2
Quando foi instituída pelo decreto número 4, de 19 de novembro de
1889, a bandeira brasileira recebeu muitas críticas devido a sua
relação com a astronomia. Isto porque a disposição das estrelas na
esfera azul da bandeira não se encontrava da mesma forma como
costumamos vê-la no céu. Tudo por conta da perspectiva escolhida
pelos criadores do desenho original. A intenção era representar o céu
do Rio de Janeiro às 8h30m da manhã do dia 15 de novembro, data
da Proclamação, mas com um pequeno detalhe: o observador desse
céu estaria do lado de fora da esfera, vendo-a a partir do espaço
cósmico. E, mais ainda: essa bola imaginária (o espaço celeste) teria
todas as estrelas grudadas nela, com a terra situada em seu centro.
Daí a polêmica. Consta também que a constelação do Cruzeiro do Sul
estava, nessa hora exata, com o braço maior na vertical e no
meridiano da cidade do Rio. Tanta discussão para algo bastante
simples: o céu da bandeira nacional aparece do lado oposto de nossa
visão aqui da terra.
3
A palavra de ordem inscrita em nossa bandeira, trata-se da síntese de
um sistema filosófico aceito não só no Brasil, como também na
Europa: o positivismo. Os grandes nomes dessa filosofia em nosso
país no fim do século XIX eram Benjamin Constant, Demétrio Ribeiro,
Teixeira Mendes e Miguel Lemos. Numa visível homenagem a esses
cidadãos, convoca os brasileiros para uma arrancada concreta e
irreversível pelo desenvolvimento. A significação de ordem não é
ditadura, mas sim decisão e visão clara dos problemas, enquanto
progresso não indica riqueza para os indolentes, mas meta de
ascensão para os homens de valor.
Um dos três únicos casos em que o idioma da pátria em questão
aparece na bandeira, possui o seu recanto para o culto coletivo de
toda a nação: a Praça dos Três Poderes, em Brasília, onde fica
sempre hasteada, tendo na base do mastro as seguintes palavras:
"Sob a guarda do povo brasileiro, nesta Praça dos Três Poderes, a
bandeira sempre no alto, a visão permanente da pátria".
Olavo Bilac
Salve, lindo pendão da esperança,
Salve, símbolo augusto da paz.
Tua nobre presença à lembrança
A grandeza da Pátria nos traz.
Recebe o afeto que se encerra
Em nosso peito juvenil
Querido símbolo da terra,
Da amada terra do Brasil!
Em teu seio formoso retratas
Este céu de puríssimo azul,
A verdura sem par destas matas
E o esplendor do Cruzeiro do Sul.
Contemplando o teu vulto sagrado
Compreendemos o nosso dever,
E o Brasil por seus filhos amado,
Poderoso e feliz há de ser.
Sobre a imensa Nação brasileira
Nos momentos de festa ou de dor,
Paira sempre, sagrada bandeira
Pavilhão da justiça e do amor.

domingo, 16 de agosto de 2009

Sem fingimento. Vc acha que existe preconceito racial no Brasil, contra negros, orientais e gays?


Claro que há, não só com negros, asiáticos ou gays. Há também o preconceito com o branco por parte dos negros, veja essa declaração feita por uma ex-ministra da integração social; "Eu acho certo os negros não gostarem dos brancos e nem querer viver com eles." Os maior grupo de racista esta entre os próprios negros. Existe inclusive a discriminação por parte do governo, em relação aos negros, basta ver que as universidades são obrigadas a ter uma cota para os negros. Isso é uma barbarie, se a cota é de 20% e for aprovado no vestibular 25%, então os 5% a mais não entra na tal univesidade? A cor da pele influência em alguma coisa, seja ela negra, amarela, ou vermelha? Há ainda a discriminação por parte do pessoal do sul e sudeste em relação aos nordestinos e nortistas.Mas como esse não é um país sério fica tudo como esta.

ADIVINHAS

O que são
As adivinhas, também conhecidadas como advinhações ou "o que é, o que é" são perguntas em formato de charadas desafiadoras que fazem as pessoas pensar e se divertir. São criadas pelas pessoas e fazem parte da cultura popular e do folclore brasileiro. São muito comuns entre as crianças, mas também fazem sucesso entre os adultos.
Alguns exemplos de adivinhas:
- O que é que é surdo e mudo, mas conta tudo?Resposta: o livro
- O que é o que é que sempre se quebra quando se fala?Resposta: o segredo
- Ele é magro pra chuchu, tem entes mas nunca come e mesmo sem ter dinheiro, dá comida a quem tem fome?Resposta: o garfo- O que é que passa a vida na janela e mesmo dentro de casa, está fora dela?Resposta: o botão
- O que é o que é feito para andar e não anda?Resposta: a rua
- O que é o que é que dá muitas voltas e não sai do lugar? Resposta: o relógio
- Qual é a piada do fotógrafo? Resposta: ninguém sabe, pois ela ainda não foi revelada.
- O que é o que é que sobe quando a chuva desce? Resposta: o guarda-chuva.
- Você sabe em que dia a plantinha não pode entrar no hospital? Resposta: em dia de plantão.
- Qual a única pedra que fica em cima da água? Resposta: a pedra de gelo.
- O que é um monte de pontinhos coloridos no meio do mato?Resposta: formigas treinando para o carnaval!
- O que é um pontinho verde brilhando na cama de um hospital? Resposta: uma ervilha dando à luz
- O que a esfera disse para o cubo?Resposta: deixa de ser quadrado.
- O que é o que é que esta sempre no meio da rua e de pernas para o ar?Resposta: a letra U
- O que é o que é que anda com os pés na cabeça?Resposta: o piolho
- É um pássaro brasileiro e seu nome de trás para frente é igual.Resposta: arara